Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Se querem comer, controlem este gado

por Carlos Neves, em 03.07.22
 


Pode ser uma imagem de relva

Nenhuma descrição de foto disponível.

“A minha aldeia produzia 20 toneladas de milho grão por ano, agora não produz nada por causa dos javalis. Que se pode fazer? Eu sou velho e manco e já não posso fazer nada”.



Este testemunho tocante, que estou a citar de cor, foi o comentário que mais me marcou, entre os 1200 comentários na minha página  do facebook à publicação “Portugal não é um país agrícola”, onde explicava porque não é fácil, de repente, produzir em Portugal os cereais que agora importamos, nomeadamente por ter vastas áreas “pedrícolas”. Não consegui ler todos os comentários por falta de tempo, acho que me perdi entre os elogios dos que me queriam fazer ministro e outros que diziam o contrário, incluindo alguém que disse “vai trabalhar, pá!”, que foi uma boa ordem porque já costumo fazer isso e portanto fui… 🙂

Lembrei-me do desabafo sobre os javalis alguns dias mais tarde, ao ver um vídeo da Lúcia Velasco, uma “ganadera asturiana”, que cria vacas em extensivo e vídeos intensivos em direto a partir do meio rural e em defesa do meio rural de Espanha. “O campo não se vende, se defende”. Eu tinha começada a seguir a Lúcia alguns dias antes e acompanhei a deslocação da sua manada de vacas para a “brañas”, que devem ser o mesmo que as brandas que temos no Gerês, e que são “núcleos habitacionais temporários” nas partes altas das montanhas, ocupados durante a Primavera e Verão, para acompanhar o gado na pastagem. O vídeo tinha como título: “Senhora Rivera, venha cá tomar conta do seu gado!” e eu pensei, a sério que pensei, que a senhora Rivera era alguma vizinha cujas vacas tinham fugido e andavam na horta dos outros a comer as couves, mas não, o “gado” da senhora Rivera eram os lobos que ameaçavam os rebanhos e a senhora Teresa Rivera é a Ministra do Ambiente de Espanha que apresentou uma lei que proíbe a caça aos lobos que servia para controlar a sua população, e no vídeo a Lúcia vai respondendo aos comentários e explicando que os terrenos são privados, que levam as vacas para o monte há centenas de anos daquela forma, que não tem condições para guardar as vacas em currais durante a noite e que não lhe podem dizer que querem as vacas criadas ao ar livre e depois ter que andar a tomar conta dos lobos durante a noite.

Voltemos a Portugal. Eu não sou caçador e ainda não tive problemas com lobos ou javalis, mas cada vez encontro mais notícias sobre este problema e mais desabafos como do senhor da aldeia que deixou de produzir milho. Os javalis destroem milheirais e outras culturas, podem espalhar doenças ao porco doméstico e ser um perigo noutras situações. Não sei dizer se a caça é a melhor ou a única solução, mas acho que a sociedade, o governo, as autarquias, se querem ter comida produzida em Portugal, têm que estudar isto a sério e tomar decisões para controlar este “gado” que se tornou numa praga.

(A foto dos javalis foi tirada de um vídeo de França, a foto do prejuízo é de um vídeo de Portugal).


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:29



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D